#Aquele momento… Derrota

#aquelemomentoderrota Ontem no treino, vi uma pequena de 8 anos passando sua coreografia na ginastica artistica. Nunca tinha visto aquilo: a cada erro, uma lagrima escorria de seu rostinho.

Todos no ginasio ficaram preocupados afinal, ela  ainda é muito pequena. Vi nela, aquela vontade de acertar, de vencer, que nao é natural em todos e muito comum entre os campeoes ou vencedores.

Fiquei com aquilo na cabeça. Até sonhei.

Você nunca sabe como sera o treino: as vezes você chega cansado e arrasa, as vezes você esta disposto e so faz besteira.

Estou passando pelo complicado momento de corrigir erros de base. Isso é muuuuuuito chato. Você tem a impressao de nao saber fazer nada, de ser um porcaria, um cocô, um nada.

Dei tudo que podia hoje. Mas o treino foi muito duro. E quanto mais facil deveria ser, mais complicado ficava pra mim. Lembrei da pequena e senti uma vontade enorme de chorar. Mas, como bom “machô”, coloquei abdominais no lugar de lagrimas.

Aceitar dias dificeis faz parte do trabalho do atleta. So fico com muito medo porque ja me considero velho e às vezes tenho a impressao de que nao poderei mais evoluir. Dai o melhor é parar, dormir e esperar para que amanha seja um dia melhor.

Me lembro de um treinador, (Mauro), que me disse certa vez: “se você acerta pelo menos meia vez, você ja ganhou o dia.”

Mauro, espero que você tenha razao.

Uma coisa é certa: amanha eu voltarei, com muito mais garra! Posso nao ganhar, mas estarei a cada dia mais forte.

Compartilhe conosco sua opiniao

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s